Palavra do Coordenador

Prezados internautas, colegas da saúde, membros da GINANOBRASIL, curiosos e visitantes

Feliz 2017!

Mais do que na hora de atualizar informações para todos que acessam nosso sitio!

Creio que a informação mais preciosa do final de 2016 e início de 2017, é a divulgação dos resultados da campanha:
“A asma mata ao menos 3 pessoas todos os dias. A mudança está em nossas mãos”

Para os que não navegam nas mídias sociais, basta uma espiada no sitio para navegar pelos principais produtos desta campanha na forma de apresentação: clicar na aba “mortes por asma/imagens da campanha”. Mas lembrar que usando o #GINANOBRASIL, no Facebook ou Youtube e Instrangran (mais recente) poderá ter acesso a todo conteúdo desde junho 2016.

O fato marcante é que “para evitar mortes, entre Junho e Outubro compartilhamos histórias de vida; desmistificamos a asma e mostramos sua pior face: 3 pessoas morrem por dia no Brasil devido à falta de acesso à informação, diagnóstico, medicação e cuidados pessoais como tratamento e 9,3 milhões de pessoas prestaram atenção!

Vejam o diagrama abaixo os resultados por público específico:

E os temas abordados, assim como as 100 palavras mais faladas foram:

Conscientização Mitos Tratamentos
Afinal, o que é asma? Mitos e Verdades Tratamento
Inverno x Asma Tem cura ou é uma doença crônica Parceria médico paciente
Reconhecendo os sintomas Asma não é frescura
Como identificar crises Asma e outras doenças Cotidiano e cuidados
Fumo Diferentes tipos de asma e diferenças entre doenças respiratórias Erro de diagnóstico e interrupção de tratamento
Primavera Existe prevenção? Questione seu médico
Família e asma Asma e gravidez Exames e procedimentos

Todo os resultados podem ser conhecidos na apresentação que estará disponível no nosso sitio, igualmente na aba “mortes por asma”.

Entendo que esta tenha sido a campanha de grande impacto ao atingir diretamente asmáticos ou seus familiares. A leitura cuidadosa das interações talvez seja o resultado mais rico da campanha: mitos, medos, crenças, dúvidas, esperanças, queixas, desejo de viver melhor são algumas das mensagens explicitas. Assim como recados diretos e velados aos profissionais de saúde. Sugiro uma leitura atenta!

Considerando estes resultados exitosos, resolvemos continuar com a campanha até fevereiro de 2017, utilizando uma mistura de posts, vídeos e giffs produzidos em 2016 e expandindo a divulgação ao Instagran. E estamos em conversações para um novo contrato para 2017. Relembro que a temática “mortes por asma” é uma pauta internacional, com países como a Grã Bretanha igualmente preocupada por uma taxa de mortalidade inaceitável frente aos recursos de saúde empregados contra a asma. Em debate está a discrepância do baixo uso/consumo de corticosteroides inalados em contraste com o alto uso/consumo de broncodilatadores de curta duração e de corticosteroides sistêmicos. No nosso país preocupa, em particular, a prescrição insignificante de corticosteroides inalados em crianças (mesmo as acima de 5 anos).

Ainda para este ano estão previstas algumas outas atividades que serão implementadas se houver recursos. Em destaque (1) a parceria com o Grupo de Doenças Respiratórias da Sociedade de Medicina de Família e Comunidade e Internacional Primary Care Respiratory Group (IPCRG) para apoio e suporte das ações de implementação de cuidados colaborativos na atenção primária para diagnóstico precoce da doenças respiratórias crônicas, e organização de grupos focais para participação á distancia de ações educacionais em língua portuguesa do IPCRG, incluindo a participação do Congresso Porto 2018; (2) a realização de reunião administrativa e cientifica dos membros da GINAnoBRASIL para estipular critérios de permanecia como membro da mesma, condicionando a participação a realização de atividades pertinentes a GINA e GARD, previsto para o 2º Semestre de 2017, em São Paulo.

Grande abraço

Rafael Stelmach

 

Palavra do Coordenador 2016

Palavra do Coordenador 2015